Monday, November 13, 2006

10/11/2006 – Sexta-feira

Hoje acordamos (Bom, eu nem dormi direito, fui deitar depois das 2 da manha) e fomos para a praia Ponta do Ouro.
Esta foto é da balsa que íamos pegar, porém, chegamos na balsa às 7h e iria demorar tipo 1h para ver se conseguiríamos lugar.

Mas desistimos e pegamos um caminho alternativo, fomos pela Estrada mesmo. São 100 km de Maputo e 4 horas de viagem, é isso mesmo, areia pura, lá só chegam carros 4x4, nós nos sentimos num rally dos sertões.





Mas, como nem tudo é perfeito, no caminho o carro deu uma parada e não ligava mais, nisso eu liguei pro celular do Mauricio pedindo que eles voltassem p/ nos ajudar. Foi muito engraçado o Johi, o Mauricio e o Rodolfo abriram o capô, se olharam e pergutaram rindo: Alguém entende alguma coisa de carro? Hahaha
Naquela hora meio que deu medo, tinha muito inseto e um mais diferente do outro, nós estávamos no meio do nada, muito mato, na verdade só mato. De repente surge um carro com 3 homens e 2 mulheres todos da nossa idade e um deles pergunta: Precisam de ajuda? Respondemos que o carro não ligava mais. Agora se surpreendam com a resposta dele: Ok, não tem problema, nosso amigo é mecânico e está vindo logo atrás!!!!!!!!!!! Naquela hora eu e a Ana começamos a rezar no carro, isso só pode ter sido obra divina!
Ele chegou e verificou que a bateria desconectou em um buraco que o carro pulou, nada grave....
Vejam a foto do Mauricio e o mecânico vendo o motor e do Rodolfo no canto:

Só que detalhe, tudo na vida tem um preço, adivinha o que o mecânico me pediu – O MEU CADARÇO, ele precisava amarrar a bateria e o Johil não quis dar o dele, pois o dele é azul marinho e comentou que seria mais difícil de achar um igual, ta bom, eu estava tão feliz que o carro já estava consertado que cooperei na boa, vejam só:

Chegamos lá 13:00 +/- e já fomos para a praia..
Vocês não tem idéia, o mar é tão claro, mas tão claro que dava para ver a sombra das pessoas dentro da água....







Este é o Johil, Mauro, Mauricio e Sabrina:




Alugamos uma casa que eles sempre vão, mas para ir à praia só de carro.
O carro do Johil de frente na garagem da casa, que vcs ainda não tinham visto:

Curtimos a praia e depois fizemos um churrasco com picanha, que saudades....
Como o carro do Mauro ficou ligado, acabou a bateria e o nosso carro salvou!!!!!!!
A foto da gente fazendo chupeta no carro eh no do meu amigo hein, o meu pelo menos ateh agora toh com a bateria boa....

Jogamos um pokerzinho a noite e ficamos conversando, o engraçado foi quando entrou um “passarinho”, bom foi o que eu disse para a Karina, depois que o Maurício acertou uma almofada nele é que vimos com certeza que era um morcego, imaginem a cena (todos na casa gritando, inclusive o Johil)....
Na casa eram 3 quartos, 1 com cama de casal dormiu a Sabrina e o Mauricio, no outro com beliche o Rodolfo e a Ana e no terceiro como eram 2 camas de solteiro, dormi em uma, o Mauro na outra e o Johil no colchão no chão, foi legal, antes de dormir dávamos altas risadas.
A noite foi o martírio, o ventilador era aqueles de pedestal, e não tinha como baixar, e daí eu tentei fazer um apoio para o ventilador, mas claro no meio da noite ele caiu, foi super divertido, para não dizer estressante, mas no final com umas acordadas melado de suor, a noite foi tranqüila....

2 Comments:

Blogger Helen Lopes said...

Oi, que legal a viagem de vcs!!!Quero ir p esta praia também!!!!Guria que dó do seu cadarço!!!!
Nene: Vc precisa fazer um regiminho p o casamento!!!não fique brabo, te amo, beijos

4:01 PM  
Blogger Welcome to the Jungle said...

Guria nem fale, meu cadarço era uma graça, agora comprei um bem podre, foi o único que achamos, na loja da Nike não tinha - comprei no supermercado mesmo.
A gente vai fazer academia mês que vem, vou ficar em cima do Johil hahaha
Beijos, Ka.

5:14 AM  

Post a Comment

<< Home